Home / Artigos em Geral / Amor pelos Sahábah (radhiyallahu an’hum)

Amor pelos Sahábah (radhiyallahu an’hum)

Ja’far As-Sá-igh (Rahimahullah) relata o seguinte: “Entre os vizinhos de Imám Ahmad bin Hambal (Rahimahullah) havia um homem que envolveu-se em vários pecados, maldades e actos vergonhosos. Um dia, este homem veio para o ajuntamento de Imám Ahmad bin Hambal (Rahimahullah) e cumprimentou-o com salám. No entanto, embora Imám Ahmad (Rahimahullah) respondeu ao seu salám, ele não lhe deu atenção e nem o recebeu com afeto. Pelo contrário, ele parecia desconfortável com a presença deste homem (uma vez que este homem era bem conhecido pelos seus maus hábitos).

O homem imediatamente apercebeu-se do desconforto de Imám Ahmad (Rahimahullah) e então disse: “Ó Abu Abdillah (Rahimahullah)! Por que é que te sentes desconfortável com a minha presença? Através de um sonho que tive, Eu mudei completamente e não sou mais a pessoa que você conhecia.” Imám Ahmad (Rahimahullah) perguntou: “Que sonho tu viste?”

O homem respondeu: “Eu vi Raçulullah (Sallallahu Alaihi Wassallam) no meu sonho. Parecia que ele estava num lugar elevado enquanto muitas pessoas estavam sentadas abaixo dele. Um por um, as pessoas se levantavam e pediam a Raçulullah (Sallallahu Alaihi Wassallam) para fazer duá para eles. A medida que eles se levantavam e faziam os seus pedidos, Raçulullah (Sallallahu Alaihi Wassallam) fazia duá para eles, até que apenas Eu permaneci. Eu também desejei levantar-me e pedir a Raçulullah (Sallallahu Alaihi Wassallam) para fazer duá para mim, mas senti-me envergonhado de fazer o mesmo devido as minhas más acções. Raçulullah (Sallallahu Alaihi Wassallam) então se dirigiu a mim e perguntou: “Ó fulano! Por que você não se levanta e pede-me para fazer duá para ti?” Eu respondi: “Ó Raçul de Allah (Sallallahu Alaihi Wassallam)! É minha vergonha e constrangimento pelas minhas más acções que me impedem de fazê-lo.” Raçulullah (Sallallahu Alaihi Wassallam) respondeu: “Se é a vergonha e o constrangimento que te impede, então levanta-te e peça o teu duá. Mesmo assim, Eu farei duá para ti, pois tu não fálas mal dos meus Sahábah (Radhiyallahu Anhum).” Eu levantei-me e Raçulullah (Sallallahu Alaihi Wassallam) fez duá para mim. Quando acordei, notei que Allah Ta’ala havia incutido dentro de mim o ódio e aversão pelos pecados que Eu estava envolvido.”

Quando Imám Ahmad (Rahimahullah) ouviu este incidente, ele se dirigiu a nós dizendo: “Ó Ja’far! Ó fulano! Contem as pessoas este incidente e não se esqueçam, pois é benéfico e inspirador.” (Kitábut Tawwábín – Ibnu Qudámah pág. 275)

About admin2

Check Also

Hazrat Abu Bakr (radhiyalláhu an’hu) Sacrifica os seus Bens por Raçulullah (sallalláhu alaihi wassallam)

Hazrat Abu Hurairah (radhiyalláhu an’hu) relata que Raçulullah (sallalláhu alaihi wassallam) disse: “A riqueza de …