Home / Artigos em Geral / Precaução nos Bens Públicos

Precaução nos Bens Públicos

A precaução que Hazrat Umar (radhiyallahu an’hu) exercia ao lidar com a riqueza pública era de facto proverbial.

Numa ocasião, um pouco de almíscar e âmbar (tipos de perfumes) chegaram do Bahrein. Como era um bem público, Hazrat Umar (radhiyallahu an’hu) disse: “Por Allah! Desejo encontrar uma pessoa que seja proficiente em pesar artigos para que ela possa pesar esses perfumes para mim, permitindo que eu os distribua igualmente entre os muçulmanos.”

Ao ouvir isso, sua respeitada esposa, Hazrat Átikah bint Zaid (radhiyallahu an’ha), ofereceu-se para cumprir esta tarefa dizendo: “Sou proficiente em pesar. Traga-o e eu o pesarei para si. No entanto, Hazrat Umar (radhiyallahu an’hu) recusou.

Ela de seguida perguntou a ele o motivo da sua recusa, ao que ele respondeu: “Temo que, ao pesá-lo, tu possas pegar o perfume que restará nos teus dedos e aplicá-lo em ti própria.” Hazrat Umar (radhiyallahu ‘anhu) mencionou: “Temo que, se tu esfregares os teus dedos sobre o teu corpo depois de pesar o perfume, estarás a receber mais perfume do que o resto dos muçulmanos (e isso não é permitido).”[1]


[1] Az Zuhd lil Imaam Ahmed #623

 

 

About admin2

Check Also

Resposta ao chamamento de Raçulullah (sallallahu alaihi wassallam) após a Batalha de Uhud

Certa vez, Hazrat Áishah (radhiyallahu an’ha) falou com o seu sobrinho Urwah (rahimahullah) e disse: …