Home / Artigos em Geral / A Coragem de Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu) na Batalha de Khaibar

A Coragem de Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu) na Batalha de Khaibar

Na ocasião de Khaibar, após Raçulullah (sallallahu alaihi wassallam) ter entregue a bandeira do Islám a Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu), Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu) liderou o exército dos Sahábah (radhiyallahu an’hum) em direcção a fortaleza de Qamus.

Ao se aproximarem da fortaleza, um guerreiro judeu, chamado Marhab, saiu para desafiá-los. Marhab era um guerreiro famoso, conhecido pela sua extrema força e bravura. Assim, quando Marhab posicionou-se em frente de Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu) e os muçulmanos, ele começou a se gabar da sua bravura e coragem na batalha, recitando as seguintes estrofes:

قَدْ عَلِمَتْ خَيْبَرُ أَنِّيْ مَرْحَبُ

Todo o povo de Khaibar sabe bem que eu sou Marhab

شَاكِيْ السِّلَاحِ بَطَلٌ مُجَرَّبُ

Sou um guerreiro bem armado e experiente na batalha

إِذَا الْحُرُوْبُ أَقْبَلَتْ تَلَهَّبُ

(Eu mostro a minha verdadeira força e bravura) no momento em que a luta começa e a batalha se intensifica.

O duelo começou com Marhab atacando primeiro. Ele balançou a sua espada em direcção a Hazrat Ámir (radhiyallahu an’hu), que bloqueou o ataque com o seu escudo. O golpe da espada de Marhab foi tão poderoso que, ao atingir o escudo, ficou cravado nele. Hazrat Ámir (radhiyallahu an’hu) aproveitou a oportunidade para atacar Marhab por baixo do seu escudo. No entanto, ele falhou Marhab e sua espada voltou em sua direcção, atingindo-o e causando-lhe um ferimento fatal.

Depois disso, Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu) avamçou para desafiar Marhab. Marhab recitou novamente as mesmas estrofes, aos quais Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu) respondeu recitando o seguinte:

أَنَا الَّذِيْ سَمَّتْنِيْ أُمِّيْ حَيْدَرَهْ

Eu sou aquele cuja mãe o chamou de Haydar (o Leão Feroz)

كَلَيْثِ غَابَاتٍ كَرِيْهِ الْمَنْظَرَهْ

Como o leão de aparência feroz da selva

أُوْفِيْهِمْ بِالصَّاعِ كَيْلَ السَّنْدَرَهْ

Quando tenho que fazer uma troca, então dou a medida completa (ou seja, meu golpe é completo e mato o inimigo de forma rápida e imediata.)

Em relação a Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu) referindo-se a si mesmo como Haydar (o leão feroz), é relatado que quando Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu) nasceu, o seu pai, Abu Tálib, saiu em viagem e não estava presente em Makkah Mukarramah. Por isso, a sua mãe o deu o nome de Haydar (que significa leão). Ela o chamou de haydar em homenagem ao seu pai, cujo nome era Assad (que também significa leão). Quando Abu Tálib regressou da sua viagem para Makkah Mukarramah e a sua esposa o informou que havia nomeado o seu filho de haydar, ele mudou o nome e chamou o seu filho pelo nome de Ali. Depois disso, Hazrat Ali (radhiyallahu a’nhu) tornou-se conhecido pelo nome que o seu pai lhe deu. Porém, nesta ocasião, ele se referiu a si mesmo pelo nome que a sua mãe lhe havia dado.

De acordo com uma narração, Marhab teve um sonho na noite anterior em que viu que estava sendo despedaçado por um leão. Allámah Zarqáni (rahimahullah) mencionou que Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu) foi abençoado com o conhecimento disso através de kashf (inspiração, seja através de um sonho ou de alguma outra forma). É por esta razão que ele se referiu a si mesmo usando o nome Haydar, que significava leão feroz, no seu poema. Ao referir-se a si mesmo como o leão feroz, Marhab percebeu que o seu sonho indicava que ele encontraria o seu fim na espada de Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu). Isso fez com que ele fosse dominado por medo e perdesse a coragem.

Eles começaram o duelo e, com um único golpe, Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu) partiu o crânio de Marhab, o ‘famoso’ campeão de Khaibar, e acabou com a sua vida. Allah Ta’ala abençoou Hazrat Ali (radhiyallahu an’hu) com a conquista desta fortaleza.

(Sahíh Bukhári #4210, Sahíh Muslim #1807, Majma’uz Zawá’id #10206, Fat-hul Bári 7/535-549, Sharun Nawawi vol. 12 pág. 185 e Sharhuz Zarqáni 3/244-258)

 

About admin2

Check Also

Receber o título de ‘Assistente Especial’ de Raçulullah (sallallahu alaihi wassallam)

Na ocasião da batalha de Ahzáb, também conhecida por batalha de Khandaq (batalha das Trincheiras), …