Home / Tafssir / Tafssír do Surah Ádiyát

Tafssír do Surah Ádiyát

بِسْمِ ٱللَّهِ ٱلرَّحْمَٰنِ ٱلرَّحِيمِ

وَٱلْعٰدِيٰتِ ضَبْحًا ‎﴿١﴾‏ فالْمُوْرِيٰتِ قَدْحًا ‎﴿٢﴾‏ فالْمُغِيرٰتِ صُبْحًا ‎﴿٣﴾‏ فَأَثَرْنَ بِهِ نَقْعًا ‎﴿٤﴾‏ فَوَسَطْنَ بِهِ جَمْعًا ‎﴿٥﴾‏ إِنَّ ٱلْإِنسَانَ لِرَبِّهِ لَكَنُودٌ ‎﴿٦﴾‏ وَإِنَّهُۥ عَلٰى ذٰلِكَ لَشَهِيدٌ ‎﴿٧﴾‏ وَإِنَّهُۥ لِحُبِّ ٱلْخَيْرِ لَشَدِيدٌ ‎﴿٨﴾‏ أَفَلَا يَعْلَمُ إِذَا بُعْثِرَ مَا فِى ٱلْقُبُورِ ‎﴿٩﴾‏ وَحُصِّلَ مَا فِى ٱلصُّدُورِ ‎﴿١٠﴾‏ إِنَّ رَبَّهُم بِهِمْ يَوْمَئِذٍ لَّخَبِيرُ ‎﴿١١﴾

(Juro) pelos (cavalos) que galopam resfolegando, que criam faíscas ao bater (com os seus cascos) em terrenos rochosos (enquanto galopam), que atacam de manhã cedo, levantando com isso nuvens de poeira,  penetrando no meio dos inimigos. Certamente, o Homem é muito ingrato ao seu Rabb. E certamente, ele é testemunha desse facto. E certamente, no amor aos bens ele é muito intenso. Acaso ele não sabe (o que acontecerá) quando tudo o que está contido nas sepulturas ser revolvido? E tudo o que estiver contido nos peitos (corações) ser exposto. Certamente, o seu Rabb naquele Dia estará plenamente Ciente deles.

Neste surah, o homem é chamado a refletir sobre a natureza do cavalo e seu nível de obediência e fidelidade ao seu mestre. O cavalo é um animal que responde subservientemente a ordem do homem. Está preparado para fazer qualquer tipo de sacrifício pelo seu mestre, mesmo que seja obrigado a sacrificar a sua vida no meio da batalha. A qualquer hora da noite ou do dia, se o homem chamar o animal, ele responderá prontamente sem qualquer hesitação. Quando ele o monta e vai para a batalha, ele penetra no meio do inimigo, arriscando a sua vida por ele. As armas do inimigo não o impedirão de forma alguma de cumprir a ordem do seu mestre.

Este é o nível de lealdade e gratidão que o cavalo demonstra ao seu mestre, mesmo que o favor do mestre sobre o cavalo seja pequeno em comparação. Tudo o que o homem faz por ele é dar forragem, grãos e mostrar um pouco de cuidado e atenção, mas o cavalo é tão grato que o retribuirá sacrificando a sua vida por ele.

Portanto, a mensagem que Allah Ta’ala nos dá através desses versos é: Ó homem! Olhe para dentro de ti mesmo e veja como você é grato ao seu Rabb. Você mostra gratidão e reconhecimento igual a retribuição que este animal insensato mostra ao seu mestre? Se este animal, que não possui a compreensão e a inteligência de um humano, pode mostrar um nível tão alto de gratidão e lealdade, então que nível de gratidão e lealdade é esperado de você para com Allah Ta’ala, tendo em mente que Allah Ta’ala abençoou você com compreensão, conhecimento e todos os tipos de dádivas?

إِنَّ ٱلْإِنسَانَ لِرَبِّهِ لَكَنُودٌ ‎﴿٦﴾‏

Certamente, o Homem é muito ingrato ao seu Rabb.

Este versículo é precedido por um juramento sobre as diferentes qualidades dos cavalos usados ​​na batalha. A questão é que, embora Allah Ta’ala tenha subjugado um animal tão forte e poderoso ao comando do homem, em vez do homem apreciar esse favor de Allah Ta’ala e se tornar obediente a Allah Ta’ala como o cavalo é obediente a ele, o homem permanece ingrato a Allah Ta’ala.

Portanto, neste versículo, Allah Ta’ala lamenta acerca do homem e ele ser muito ingrato com seu Rabb. A palavra ‘kanúd’, que Allah Ta’ala usou para descrever o homem, refere-se à pessoa que se lembra dos infortúnios e problemas que lhe acontecem, mas esquece os favores e dádivas que ele desfruta. Esta é a própria natureza do homem – ele desfruta das bençãos do seu Criador, mas esquece o Ser que lhe concedeu esses favores. Ele fica tão imerso e envolvido no gozo das dádivas e favores que esquece que tudo o que adquiriu é somente através da misericórdia e graça de Allah Ta’ala, o Compassivo, o Generoso. Ele perde de vista e esquece que todas essas dádivas e favores não são adquiridos por conta da sua própria inteligência.

وَإِنَّهُۥ لِحُبِّ ٱلْخَيْرِ لَشَدِيدٌ ‎﴿٨﴾‏

E certamente, no amor aos bens ele é muito intenso.

Neste versículo, Allah Ta’ala condena a qualidade de ter intenso amor pela riqueza. O amor pela riqueza não é harám, no entanto, o amor excessivo e desordenado pela riqueza não é permitido, pois faz com que a pessoa esqueça as suas obrigações para com seu Criador, bem como os servos de Allah Ta’ala. Às vezes, por causa da paixão desordenada pela riqueza, uma pessoa não consegue distinguir entre o halál e harám, ou não se preocupará em realizar actos que irão desagradar a Allah Ta’ala.

Portanto, a raiz de todos os problemas é a obsessão e o amor desordenado pela riqueza. Por isso, Allah Ta’ala prescreve o remédio para curar a pessoa do amor desordenado e paixão pela riqueza. A cura é que o homem deve reflectir regularmente e se lembrar do seu fim, bem como do Dia de Quiyámah, quando ele estará diante de Allah Ta’ala.

أَفَلَا يَعْلَمُ إِذَا بُعْثِرَ مَا فِى ٱلْقُبُورِ ‎﴿٩﴾‏ وَحُصِّلَ مَا فِى ٱلصُّدُورِ ‎﴿١٠﴾‏ إِنَّ رَبَّهُم بِهِمْ يَوْمَئِذٍ لَّخَبِيرُ ‎﴿١١﴾

Acaso ele não sabe (o que acontecerá) quando tudo o que está contido nas sepulturas ser revolvido? E tudo o que estiver contido nos peitos (corações) ser exposto. Certamente, o seu Rabb naquele Dia estará plenamente Ciente deles.

No verso acima, Allah Ta’ala chama a nossa atenção para o Dia de Quiyámah. Nesse dia, tudo o que está oculto será exposto diante de todos. O que está contido nas sepulturas será revelado, e o que está oculto nos corações será exposto. Todas as intenções ocultas pelo homem no seu coração serão expostas no Dia do Juízo Final. Se uma pessoa realizou um acto virtuoso e fez para se exibir, naquele Dia a sua intenção corrupta será revelada diante de todas as pessoas.

 

About admin2

Check Also

Tafssír do Surah Takássur

بِسْمِ ٱللَّهِ ٱلرَّحْمَٰنِ ٱلرَّحِيمِ اَلْهٰكُمُ التَّكَاثُرُ ‎﴿١﴾‏ حَتّٰى زُرْتُمُ الْمَقَابِرَ ‎﴿٢﴾‏ كَلَّا سَوْفَ تَعْلَمُوْنَ ‎﴿٣﴾‏ ثُمَّ كَلَّا سَوْفَ تَعْلَمُوْنَ ‎﴿٤﴾‏ كَلَّا لَوْ تَعْلَمُوْنَ …